terça-feira, 5 de julho de 2022

Barro Preto: fazendeiro é assassinado com tiro de espingarda chumbeira e Polícia investiga

Na manhã desta terça-feira (05), uma equipe do Departamento de Polícia Técnica de Itabuna foi acionada para realizar perícia e remoção do corpo do fazendeiro Joelson Delmiro Gonçalves, 56 anos, vítima de assassinato. 

O corpo de Joelson foi encontrado pela esposa, caído em um ramal de uma estrada vicinal de acesso à cidade de Barro Preto.

De acordo com informações policiais, uma espingarda chumbeira foi usada para cometer o crime. Há poucas semanas, Joelson sofreu tentativa de homicídio, também por arma de fogo, mas sobreviveu. 

Nesta ocasião, no entanto, uma espécie de "tocaia" foi preparada e o atirador pode ter atraído a vítima para o local do crime.

A Polícia Civil investiga o caso e algumas pessoas ligadas a Joelson foram ouvidas. O corpo dele foi levado para a sede do Instituto Médico Legal no  Complexo Policial de Itabuna. Joelson morava em Barro Preto, mas também tinha casa em Itabuna, onde era bastante conhecido.

28 comentários:

  1. Muita tristeza perder um amigo,homem de bem e lutador,DEUS conforte sua familia

    ResponderExcluir
  2. Muita tristeza em perder um amigo,homem de bem e lutador.Deus conforte sua familia e justiça seja feita

    ResponderExcluir
  3. Quando começar a cair vai ser lindo. Kkkkkk

    ResponderExcluir
  4. Que Deus o tenha em um bom lugar,e conforte os familiares

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mostra oque aconteceu em itabuna verdinho ...na festa ,pq ta escondido cara?

      Excluir
    2. Dúvido que mostre tom Ribeiro não mostrou kkk

      Excluir
  5. Esse senhor era esposo de Rita

    ResponderExcluir
  6. Quando a pulícia fara uma limpesa em Barro Preto Aki no bonfinzao ta terivil bandidu dece pro campa vender e fumar e a populacao sofrendo alo policia Barro Preto pede socorro.

    ResponderExcluir
  7. JESUS É o caminho

    ResponderExcluir
  8. Joao 5 19 Nos somos de Deus mas o mundo es do maligno

    ResponderExcluir
  9. Poxa!! Trovoada?? Não tô acreditando! Grande homem e trabalhador.Vai com Deus meu amigo!

    ResponderExcluir
  10. Pessoa boa, trabalhador, trabalhou muito tempo na Águia Branca. Tinha muitos amigos influentes, esse crime não irá ficar impune,podem ter certeza.

    ResponderExcluir
  11. Sua ranger é manjada seu alemao

    ResponderExcluir
  12. Joilson,nois tá nos seus passos

    ResponderExcluir
  13. Será o pq de matar esse homem de bem hein

    ResponderExcluir
  14. Deus conforte todas a família, gente boa me chamava de Coroné...vai com Deus amigo!!!

    ResponderExcluir
  15. conhecia ele trabalhou com o dono do mercado Meira conduzido gado pra o patadouro municipal de itabuna fez muitos amigos por onde passava Só Deus parabconfortar os familiares e os amigos

    ResponderExcluir
  16. Vixe verdinho apagou comentário que cigano tava no meio disso kkk tem coisa aí viu

    ResponderExcluir
  17. a esposa dele chama telma

    ResponderExcluir
  18. ela estava no velorio dele hoje pela manha

    ResponderExcluir
  19. A esposa dele é Telma, não é Rita não

    ResponderExcluir
  20. Ele deixou um filho, João Pedro e a esposa, Dona Telma. Que Deus conforte o coração de vocês e de toda a família.

    ResponderExcluir
  21. Vamos ver os vizinhos dele tb

    ResponderExcluir
  22. Esse cara era um safado andava aqui em barro Preto rotando uma valentia querendo bater um todo mundo aqui deu uns tiros aqui ainda safado mesmo enquanto tem um irmão que et nota mil todo mundo fala bem dele que chama gilmar esse sim er de qualidade mais esse que morreu era valentão os trabalhadores comia o que ele queria pagava o que ele queria a gora ele viu a valentia o que deu foi sentar no colo do cramunhao

    ResponderExcluir
  23. Vamos dar a resposta, Joelson nao fazia mal algum vc safado ta falando oque nao sabe ou deve ta de grupo tbm ne.

    ResponderExcluir
  24. Niguém morre sem deve nada pow para sur ele morreu por queria ser o gostosao

    ResponderExcluir
  25. Aperta os trabalhador, que eles falam...

    ResponderExcluir