segunda-feira, 14 de novembro de 2022

Itajuípe: Mulher mata o marido a facadas após discussão no bar

O povoado de Ruinha de São Cristóvão, distrito de  Itajuípe, foi palco de um bárbaro crime na madrugada desta segunda-feira (14). 

Um homem foi assassinado pela própria esposa, no meio da rua, após o casal sair de um bar. Roberto Ferreira Figueiredo, de 29 anos, foi morto com golpes de faca. A mulher, de 32 anos, cujo nome não foi divulgado pela polícia, foi presa em flagrante e confessou o crime. 

Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica de Itabuna foi acionada e realizou uma perícia no local, que fica na zona rural do distrito de Ruinha de São Cristóvão. 

De acordo com a polícia, o casal bebeu durante várias horas em um bar da localidade. A mulher já teria chamado várias vezes o marido para irem embora e ele teria se recusado, o que motivou uma discussão. 

Já no meio da rua, ainda segundo informações de testemunhas à polícia, a vítima teria tentado atacar a sogra. Neste momento, a assassina partiu para cima do companheiro com uma faca. O rapaz foi atingido em um dos braços e na região da barriga.

O SAMU chegou a ser chamado, mas quando chegou ao local o homem já estava morto. O corpo de Roberto foi liberado do DPT de Itabuna na manhã de hoje. 

O casal era de Itajuípe, mas foi morar em São Paulo. Tinha retornado há pouco tempo para a Bahia. De acordo com informações, a mulher, inclusive, teria voltado para a casa da família com a intenção de se separar do marido, mas este teria ido atrás dela. 

A convivência entre os dois era muito conturbada, segundo relataram testemunhas para a Polícia Civil. 

Em depoimento à polícia, a mulher, que tem um filho de 9 anos, fruto do casamento com a vítima, relatou que não tinha intenção de matar o marido. Ela foi autuada em flagrante por homicídio e está à disposição da Justiça.


15 comentários:

  1. Não tinha a intenção de matar,imagine se tivesse,beberia até o sangue

    ResponderExcluir
  2. Se um irmão meu ela também ia prós inferno!!!

    ResponderExcluir
  3. Esse ai não vai poder perdoar a facada de Rita

    ResponderExcluir
  4. Nossa! Que mulher violenta! Está aprendendo com os homens! Antes que ele mandasse ela, ela mandou ele pros quinto.

    ResponderExcluir
  5. Gente Eu fico intrigado com essa história de exposições de fotos. Colocam a foto de quem não oferece mais perigo, o homem já está morto e a nejera nem colocaram o nome, já pensou, de um momento para outro agente sem conhecer a nos enlaçamos com uma princesa desse tipo má e o risco de morte que iremos passar. A mulher é perigosa ela matou e cadê o nome e a foto 📷, ele coitado teve até sorte, já pensou se Ela envez de matar, tivesse só sepado o pipi dele, como é que iria entrar no céu sem o pipi. Essa mulher é de alta periculosidade, o próximo a dormir com Ela vai acordar sem o pinto. 🤔

    ResponderExcluir
  6. Devia ter colocado foto dessa imunda talvez um dia ela ache quem fassa o msm cm ela

    ResponderExcluir
  7. Nossa que Mulher miserável matou o Cara,agora se fosse alcontrario o mesmo coitado já teria a foto ai no Verdinho é o coitado no Presídio. E aquela coisa,como eu sempre falor nos Homens corremos sempre perigo em ir dorme com uma Mulher desse é acorda morto cei o pinto

    ResponderExcluir
  8. Esse caso ai foi parecido com um que aconteceu em 2020 em Canavieiras

    ResponderExcluir
  9. Infelizmente Itajuípe está largada e abandonada. Poder público inoperante que vive de maquiagem. Basta conferir as obras que se arrastam há anos. A prefeitura foi derrubada para nada. Praça da Pitangueira é outra coisa. E vai ficar ainda pior. Os vereadores todos vendidos alguns recebendo até salário de funcionário público sem trabalhar mais. Os parentes do novo prefeito vão destruir o erário. Podem salvar esse comentário meu aqui e daqui um ano a gente conversa.

    ResponderExcluir
  10. Olha não justifica ela ter tirado vida dele, pq só quem pode fazer isso é Deus . Mas assim cada ação gera uma reação a raiva e cega e fora que esse povo tudo alcoolizado. Pelo o que eu entendi ele foi pra cima da mãe dela né, então quem é que quer ver a sua mãe sendo agredida. Mas que a justiça seja feita e que ela venha pagar pelo o erro dela.

    ResponderExcluir
  11. Muito triste ele era aqui da minha cidade o mais triste é que não existe justiça

    ResponderExcluir
  12. Gente ela é minha tia, ele costumava ser muito violento dentro de casa.
    Se ela não fizesse isso ele teria matado o filho dela, e a mãe dela.
    Ninguém sabe o que se passava dentro de casa pra ela chegar à esse ponto... parem de julgar sem saber!!

    ResponderExcluir
  13. Fala condena é fácil difícil é esta na pele de outra pessoa passando por tudo que ela passava nas mãos dele ele era obsessivo toda vez que ela fala em separação ele patia pra cima dela dizendo que ja mas iria se separa que ela era propriedade dele ela também é da minha cidade nem por isso estamos condenando ela ela também esta sofrendo que ela queria que ele fosse embora mas ele não queria ele tinha medo de voltar pra terra dele não sabemos qur medo era esse mas ta sendo difícil pra ela também então para de julga até porque vc não Sabe o que ela passava nas mãos dele e outra coisa se fosse o contrário se tivesse cido ele a mata toda familiar sera que ele estaria preso como em tantos caso marido que mata a família inteira e forgem então para de julga até porque nos não sabemos o que aconteceu so ela ir deus quem sabe o que ela tava sofrendo .. e ta passando pelo fato que ela ta sofrendo por te feito isso..É triste mas é a realidade se todas mulheres que ja morero por conta de relacionamentos abusivos tivesse coragem de se defender estaria todas viva pensar nisso todos vc ai que estão defendendo o que não Sabe

    ResponderExcluir
  14. Vc fala isso por que não foi um parente seu por que se fosse vc não defendia essa assassinato desse geito por que ela não procurou a família enquanto ele tava com vida pra entregar ele que veio entregar sem vida ,não existe justicativa nenhuma pra fazer o que ela fez ela teria que pagar sim por isso ela tem que ser julgada e apodrecer na cadeia ela tirou um filho dos braços de uma isso não tem preço que pague

    ResponderExcluir
  15. Eu não sei o que aconteceu mas se até a justiça não condenou quem somos nós cabe a justiça e Deus julgar e condena mas até lá ninguém tem o direito de tá falando o que não sabe até porque como tá no comentário ele o fez pra defender a família ele era perigoso o que nos aqui da região ficou sabendo que ele era perigoso eu não o conhecia mas ele mesmo falou com um colega meu que ele tinha um monte de cima nas costa não sei se é verdade do meu colega mas até onde eu sei ele tava respondendo por latrocínio então ele não era coisa boa certo que não foi certo ela ter feito isso mas se tivesse caído a família inteira dela será que ele estaria preso?

    ResponderExcluir