quinta-feira, 12 de janeiro de 2023

Operação policial apreende munições, armas e cinco suspeitos de homicídios em Pau Brasil

Foi realizado nesta quinta-feira (12), a Operação Arabutã na reserva indígena Caramuru, em Pau Brasil. Onde foram cumpridos cinco mandados de prisão e onze mandados de busca. 

Devido as últimas ocorrências de homicídio na reserva a polícia civil em conjunto com a 62ª CIPM e apoio da CIPE Cacaueira e Rondesp-Sul, deflagrou a operação e além das prisões cumpridas dos indivíduos, cujo nomes ainda não foram informados. 

Foi apreendido os seguintes materiais: 01 Pistola PT 57SC, cal. 7.65 e 27 munições,01 Revólver Taurus Cal. 38 e munições, 01 Espingarda artesanal, 02 aparelhos celulares, 01 Notebook, 200g de substância análoga à cocaína, 20g de substância análoga à maconha.  

Todos os artefatos apreendidos, bem como os suspeitos, foram apresentados à delegacia de polícia para o devido processo legal.  




29 comentários:

  1. Porque não foram no lugar certo pô lado do rio pardo tá cheio de vagabundo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na operação o criminoso barone assaltante homicida escapou tá na casa da mulher dele em camacã na Portelinha perto do bário parque casas novas

      Excluir
  2. Trabalho com inteligência e isso aqui esses selvas tem que merecer aumento vai pra cima das maladragem de verdade esses defendem sua cidades e as populações a queridinha Ilhéus os vagabundos do alto coqueiro da tiros nas polícia tudo com pistolas a laser sei que os policiais já tem essas informações mais nao faz nada

    ResponderExcluir
  3. esse bandidos travestidos de índio são o que aterroriza nas aldeias, falta tuiu-u e outros.

    ResponderExcluir
  4. o professor sadroval é o que vende declaração da funai em pau Brasil, no morro tem um monte de gente que comprou pra aposentar e tomar empresto no banco.

    ResponderExcluir
  5. Boa noite! Muito bem parabens aos policiais.
    Ainda falta mais que estão escondidos na agua vermelha onde era doa alvis.no orin o Roniele esta la na casa da tia tal nega de zé lambu esse ladrao de vacas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele roubou alguma vaca suaa??? Vahhh te lascar

      Excluir
    2. E a tal da tia não respeita não e fala aí se ele roubou algumas coisa bicho seu se põe o seu lugar e primeiro pra você falar dos outros você tem que ter prova!?

      Excluir
  6. Tem um tal de nego que quasi matou nilvan ta la em agua vermeia com um tal gajé vedendo drogas

    ResponderExcluir
  7. E tem um monte da selva de pedra indo pra itaju

    ResponderExcluir
  8. Está faltando mais bandidos cadê água vermelha taquari braço da dúvida e rio pardo, invertida direito senhores policiais.

    ResponderExcluir
  9. Eles tão com drogas em fazendas na rua só tem pouca coisa pra pega grana tem que ir na roça kkkkkkk quem foi Pau Brasil e bom demais quando era nois,pita se deixou leva pela emoção hj ele só tem um pequeno pedaço pow na nossa época não tinha esses crimes na nossa época nós ganhava dinheiro e curtia demais

    ResponderExcluir
  10. Bora vê a morte de Vitinho viu Dona Vitória macho vc encontra em qualquer lugar irmão e eterno o menino nunca que iria fazer isso que vocês jogaram em cima dele

    ResponderExcluir
  11. A culpa é do galego e o gago com olho grande nois era uma família agora né vc nem eu porra gago cadê o corpo de lika Franciele

    ResponderExcluir
  12. Falta mais vagabundos, Som e Marco dois cu eles faz o mesmo que o professor Sandoval faz, eles vende declaração da funai e carteirinha de índio.

    ResponderExcluir
  13. Solta os comentários verdinho, que vai saindo mais coisas

    ResponderExcluir
  14. Verdinho, coloca os nomes dos bandidos e as fotos, falta Daniela de Gidinai, Mica irmão de Agnaldo Pataxó, eles também faz parte s crimes da aldeia.

    ResponderExcluir
  15. A polícia tem que investigar o bar de caroba é lá que é feio os esquemas de roubo de gado e droga, tem mais bandidos na aldeia que não são índio e estão e estão escondido na aldeia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem tem boca fala o que quer né, agora quero ver meter a cara e dizer na cara seu bosta passador de fome

      Excluir
  16. Hoje o tráfico está se instalando em todo lugar. Infelizmente entra que quer, porque sempre tem um preço a pagar.

    ResponderExcluir
  17. Tem que investigar os cacique e o chefe de posto, eles são sabedores de tudo e não faz nada.

    ResponderExcluir
  18. Tem uma indinha do caramuru "Julia ",que anda com "Emile ",que trabalha em Luis celular,que tá sendo uma leva e traz,traíra é,ela é capaz de tudo pelo bandidin do Amatiri,que não vai demorar muito pra morree também, eia trai a própria família, a nega e doida,agora ela pode ficar sem os dedos e a ponta da língua,isso ee,se não botarem ela pra visitar os parentes que já se foram,entregando os caras.

    ResponderExcluir
  19. As grandes contidas de drogas fica toda guarda na aldeia porém é muito grande tem que investigar muito bem ai na entrada que pra rio pardo aliás na aldeia toda.hj na aldeia vc não tem mais paz aí no Ourinho mesmo tacuari água vermelha etc.

    ResponderExcluir
  20. E a educação da aldeia vai ficar impune já que existe integularidade praticada pela a direção da ex diretora.

    ResponderExcluir
  21. Ainda falta tem uma casa azul no nogueirao vai lá os policiais tem drogas

    ResponderExcluir
  22. O bicho apertou pros carinhas pros índios do tráfico. Kkk parabéns aos policiais envolvidos

    ResponderExcluir
  23. Os verdadeiros criminosos estão rindo dos índios Essas vagabundas ainda casam com pistoleiros e levam pra aldeia mas isso não vai ficar assim não esses merda ficam de boa pq tem apoio da polícia que ninguém em pau Brasil gosta de índio engole seco e tem índio baba ovo do povo de PB

    ResponderExcluir
  24. Na operação o criminoso barone assaltante homicida escapou tá na casa da mulher dele Adriele filha de Adriana atal da india em camacã na Portelinha perto do bário parque casas novas

    ResponderExcluir