quarta-feira, 17 de janeiro de 2024

Policial descobre câncer em viagem pela Europa, é internado e dívida com hospital passa de R$ 500 mil

O policial militar César Brandão, de 31 anos, descobriu um tipo raro de leucemia durante uma viagem para a Suíça, em dezembro do ano passado. Sem rede pública de saúde no país, o baiano, que precisou começar o tratamento imediatamente na Europa, deve mais de R$ 500 mil ao hospital. [Saiba mais sobre o tratamento no final da matéria]

"É uma montanha russa, tem dias que estou muito bem, dias que estou muito mal. O sonho de todo trabalhador é conhecer outro país, conhecer outras culturas. Foi uma programação que veio de muitos anos, juntamos dinheiro, foi muito trabalho para organizar essa viagem", contou o PM.

A viagem para a Europa era um sonho para César e a esposa, Viviane Assis. Após economizarem, embarcaram para o continente europeu para comemorar 17 anos de relacionamento.

O itinerário da viagem contava com estadias na Alemanha, Espanha, França, Itália e Suíça. Mas na realidade nada saiu como o planejado: com febre e queixa de hemorroida, o policial só conheceu a Itália antes de ser internado em um hospital na Suíça.

Foi no país que César recebeu o diagnóstico de Leucemia Promielocita Aguda. Como a doença causa risco elevado de hemorragia e problemas de coagulação do sangue, ele precisou começar a quimioterapia e ficar internado no primeiro ciclo do tratamento - o que tornou as dívidas com o hospital ainda maiores.

"Ele estava praticamente sem células de defesa, linfócitos bem abaixo do normal. Naquele momento, ele não podia sair dali [hospital], porque qualquer infecção que ele pudesse adquirir, poderia não sobreviver", contou a esposa.

O PM e a esposa acionaram o seguro de saúde que compraram para a viagem, mas não cobriu o tratamento. Depois disso, a Justiça da Bahia concedeu uma liminar que obriga a seguradora a pagar todo o tratamento. Em caso de descumprimento, é previsto multa diária de R$ 100 mil. A decisão também determina que o período de cobertura do seguro seja ampliado até o retorno à Bahia. Nesse caso, a multa por descumprimento é de R$ 20 mil por dia.

Apesar das decisões da Justiça, a dívida com o hospital suíço segue sem ser paga e cresce a cada dia. Além disso, o policial vai precisar de auxílio para custear o tratamento quando voltar para a Bahia. O hospital europeu afirmou que César precisa continuar com a mesma medicação, que não é garantida pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A primeira escolha para o tratamento no Brasil é usar o medicamento Trióxido de Arsênio, que custa em torno de R$ 9 a R$ 10 mil, cada a ampola. Em um mês, o policial precisaria gastar pelo menos R$ 180 mil.

Pensando nisso, amigos do casal fizeram uma vaquinha virtual para ajudar o PM. Até esta terça-feira (16), foram arrecadados R$ 65 mil, mas César precisa conseguir pelo menos R$ 420 mil em apenas oito dias para pagar o hospital.

O projeto de arrecadação está disponível nas redes sociais do policial militar e da esposa dele, e jogadores do Esporte Clube Bahia, time do coração do PM, e o cantor Luiz Caldas apoiaram a causa.

22 comentários:

  1. A leucemia promielocítica aguda geralmente responde muito bem ao tratamento e os pacientes com essa forma de leucemia têm uma boa chance de serem curados.

    ResponderExcluir
  2. Se fosse aqui no Brasil, possivelmente não teria nenhuma despesa com hospital, exames e medicamentos, mas os "patriotas" acham que esse país é o pior do mundo.

    ResponderExcluir
  3. Por isso é que temos que fazer um seguro de saúde para viajar para o exterior, sistema de saúde gratuito só no nosso Brasil. Viva o SUS

    ResponderExcluir
  4. Se fosse aqui no Brasil, ele iria mendigar na fila do SUSto sem receber tratamento adequado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E lá nos EUA vai acontecer o quê? Otário!

      Excluir
  5. Suíça o sistema de saúde é o melhor do mundo, aqui no Brasil não paga e morre feito indigente, nos 191 países no ranque mundial o Brasil fixou em 125 lugar, perdeu para Paraguai, El Salvador até para Botão. Fonte. OMS. 17/01/2024, bastou Bolsonaro sair do PT e não só a saúde, mas a degradação moral do brasileiro.

    Os suíços vivem felizes e configura na relação como o País mais caro do mundo é um País que não existe pessoas na condição de miserabilidade, existe pobre, aliás pobre em todo lugar do mundo existe e nunca vai acabar a pobreza, em termos de comparação com o Brasil aqui existe uma legião de miserável e tende aumentar mais uma vez com o golpe da gangster de facções criminosas, o quanto a Suíça é o País mais honesto do mundo e se paga o melhor salário em termos global.

    Não existe esgoto, as águas que sai do esgoto serve para tomar banho, não existe ladrão na Suíça, seu sistema de Saúde configura entre os melhores do mundo, não existe corrupção, na Suíça servidores públicos são para servir ao País, jamais serem servido, aqui no Brasil é superlativo vive roubando, saqueando o País.
    Aqui nem seria descoberto essa enfermidade, o rapaz iria morrer e seu diagnóstico seria de coronavirus se fosse há dois anos, veja quantas pessoas morrem a míngua na Bahia, mesmo com plano de saúde do PLANSERV?

    O Sus é maior do mundo em quantidade, porém, em qualidade de atendimento o pior do mundo, enfim, na Suíça a moeda é o franco suíço, Suíça não faz parte da União Europeia.

    Esse rapaz deve agradecer muito a Deus por está na Suíça, sua enfermidade diagnosticada e tratada, vida longa meu rapaz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mutuns vc é um babaca, Brasil é um dos poucos países do mundo em que a saúde é universal e gratuita. Deixa de escrever tanta bobagens. Bolsonarista filho de uma P

      Excluir
  6. Já estaria morto por falta de atendimento.

    ResponderExcluir
  7. Essa é para você que fala mal do SUS, graças a Deus que Lula venceu as eleições, pq se o genocida tivesse sido reeleito já era o SUS, visto o tanto de desmonte que tivemos não só na área da saúde como nas demais áreas da sociedade, ainda tem antas e seres malignos igual ao genocida que defende e apoia um lixo chamado Bolsonaro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Constata-se de pronto que, além de jumento petralha acéfalo, és um asno totalmente ignorante. Pesquise acerca do padrão de vida, de cultura, de conhecimento e liberdade do povo suíço e saberás por que lá não existe a possibilidade de um Ladrão condenado e preso ser descondenado para voltar a saquear o povo e o país. Por favor jumento acéfalo, zurres baixinho e quando "cagares", engula a tua imundície!

      Excluir
    2. Jumento otário e acéfalo, respondas zurrando por que o Ladrão quando sente uma fisgada no furiquinho corre para o Sírio Libanês ao custo de dezenas de milhares de reais um simples exame? Seu adorador de chibata!

      Excluir
    3. Militante petista só fala merda, também a maioria são de ignorantes e analfabetos!!!! Por isso que o nordeste está assim, fudido!!!!

      Excluir
  8. Se fosse no Brasil, estava na fila da regulação.

    ResponderExcluir
  9. Quem quer plano de saúde a seu gosto, desfilie-se do PLANSERV e contrate um de valor bem mais alto.
    PLANSERV é plano de pobre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tratei um cancer colo retal pelo PLANSERV com toda tranquilidade, fiquei internado por conta da COVID e também fiquei muito bem instalado, muitos se desfiliam do planserv por conta dos 9% e depois passam perrengue. A PMERJ o plano de saúde é o S U S.

      Excluir
  10. Pobre dá um azar da zorra, junto uma graninha pra ir conhecer países ricos e caem doentes!!!!!!! Coitado do brasileiro!!!!!

    ResponderExcluir
  11. La a saúde e cara e tem que pagar.

    ResponderExcluir
  12. quando estiver falando de coisas boas tira o presidente e sua gang do meio

    ResponderExcluir
  13. Porquê Ele não retorna ao Brasil? Isso está com cara de golpe?

    ResponderExcluir