terça-feira, 3 de dezembro de 2019

Ministro do STJ converte prisão de juiz da Bahia de temporária para preventiva


O ministro Og Fernandes, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), decidiu nesta segunda-feira (2) converter de temporária para preventiva a prisão do juiz Sérgio Humberto de Quadros Sampaio, da 5ª vara de Substituições da Comarca de Salvador (BA).

Na prática, com a decisão do ministro do STJ, a prisão do juiz não terá prazo. Isso porque a prisão temporária pode durar somente até 10 dias.

Sérgio Humberto foi preso pela Polícia Federal em 23 de novembro por suposto envolvimento em um esquema de venda de decisões judiciais, além de corrupção ativa e passiva, lavagem de ativos, evasão de divisas, organização criminosa e tráfico de influência na Bahia. G1

9 comentários:

  1. Pena que não é perpétua... Quem deveria garantir a moralidade sendo o pior dos exemplos. A pena máxima será a aposentadoria integral e vitalícia.

    ResponderExcluir
  2. e os outros 100% que são iguais a ele?? vão ficar solto. lembra daquele marginal, com alcunha de magistrado que deferiu a sentença dos assassinos do índio galdino que foi assassinado queimado vivo em um ponto de ÕNIBUS e esse magistrado disse que os "filhinhos de papai" bêbados e drogados só queriam fazer uma brincadeira e libertou os seis assassinos ????

    ResponderExcluir
  3. Esperávamos mais desse Juíz pelo berço familiar. Neto de pastor, filho de coronel e família grande. Me levo a pensar: Um sujeito novo não pensaria em fazer uma história diferente para o País? E o mais lamentável, vendo a Justiça desbaratando esses grupos que nos roubam. Agora pague as consequências. Deveria ser pena dobrada.

    ResponderExcluir
  4. As leis brasileiras são elaboradas por um "congresso", cujos componentes seriam bem vindos em qualquer penitenciária de segurança máxima em países onde existem Lei e Ordem. Para que se entenda como funcionam as leis, basta que um cidadão exemplar, trabalhador e honesto, diga a um funcionário público sanguessuga que ele é feio. O cidad~~ao exemplar, trabalhador e honesto será penalizado e qualificado criminalmente como desacatador de "servidor público", ou seja, uma "autoridade". Sendo que, quem paga os salários são exatamente aqueles que produzem as riquezas do país. Os sanguessugas apenas usufruem como parasitas, o sangue e o suor de um povo escravizado pela ignorância, covardia e miséria.

    ResponderExcluir
  5. justiça brasileira : está aí o câncer desse podre país !!

    ResponderExcluir
  6. Em breve os escandalos envolvendo Ministros do Supremo serão tornados públicos.Vamos aguardar que também sejam presos.

    ResponderExcluir
  7. A justiça tem que ter se não em quem acreditar em uma justiça com tantos escândalos de corrupção !

    ResponderExcluir
  8. Pra um Brasil melhor a justiça tem que punir o político o rico e o próprio judiciário ai vamos ter um Brasil justo pra nossa sociedade !

    ResponderExcluir
  9. A JUSTIÇA DEVE PASSAR AQUI EM ITABUNA, MUITA COISAS ERRADAS ESTÁ ACONTECENDO AQUI. VENHA..

    ResponderExcluir