terça-feira, 14 de dezembro de 2021

Suspeito de matar mãe e filha no sudoeste da BA já havia sido preso após se masturbar perto de imóvel

O homem suspeito de matar mãe e filha em Guanambi, no sudoeste da Bahia, já havia sido preso em 2018 após se masturbar perto de imóvel, mas foi solto posteriormente, segundo a Polícia Civil da região.

Ele foi identificado como Marco Aurélio da Silva, de 36 anos, e também teria praticado outros crimes sexuais na cidade. O suspeito foi preso na segunda-feira (13) e confessou o crime.

As vítimas, identificadas como Alcione Malheiros Teixeira Ribeiro, de 42 anos, e Ana Julia Teixeira Fernandes, de 16. Elas foram achadas mortas no domingo (12) em um riacho, na BR-030, na região rural da cidade, após a Polícia Militar receber uma denúncia de uma motocicleta abandonada às margens da rodovia.

Ao fazer uma varredura no local, os policiais encontraram os corpos de mãe e filha, que apresentavam marcas de violência. O Departamento de Polícia Técnica (DPT) e a Polícia Civil foram acionados para procederem com o levantamento cadavérico e a perícia no local de crime.

Segundo testemunhas, as vítimas faziam uma caminhada pela região e podem ter sido atacadas nesse momento.

Prisão do suspeito

Marco Aurélio foi preso na segunda-feira (13), após ser identificado como proprietário da motocicleta abandonada na rodovia. Ele estava em um imóvel em construção, acompanhando do filho, um adolescente de 16 anos.

De acordo com a Polícia Civil, ele negou ser o dono da moto, porém em seguida afirmou que seria o proprietário, mas que ela teria sido roubada no sábado (11), e que não registrou a ocorrência na delegacia por estar chovendo naquele dia.

Diante da inconsistência das afirmações, o homem foi conduzido juntamente com o filho até a delegacia. No local, Marco Aurélio negou a autoria do crime, no entanto, com as evidências de marcas de arranhões causadas, segundo a polícia, pela fuga no matagal, e em decorrência das inconsistências na sua defesa, ele confessou o crime e contou detalhes do assassinato.

Marco Aurélio foi autuado em flagrante pelo crime de duplo homicídio.

Execução, diz polícia

O delegado que investiga o caso, Rhudson Barcelos, informou que os corpos passaram por necropsia e alguns detalhes do caso já puderam ser obtidos.

"As vítimas foram executadas com tijolo, que ele achou dentro da mata", informou o delegado. O delegado informou que o suspeito teria retirado as roupas das vítimas, mas elas não foram estupradas. Disse ainda que o homem estava sob o efeito de drogas.

LEIA TAMBÉM:

Lei Maria da Penha: pedidos de medidas protetivas aumentam 14% no 1º semestre de 2021 no Brasil. Quatro iniciativas para o combate à violência contra a mulher; veja como elas funcionam. A prefeitura de Guanambi emitiu nota de pesar por causa da morte de mãe e filha, além disso manifestou "pesar e consternação pelo lamentável episódio".

11 comentários:

  1. Pena de morte é pouco para esse verme malditoo

    ResponderExcluir
  2. Impossível um ser desse está em liberdade. Crime de estupro ou tentativa, seguido de morte, não pode ter nenhum tipo de benefício ao meliante. Prisão perpétua com castração química.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. castração ou prisão perpetua, exato nada de mano ou presidiário fazer o que também não lhe cabe fazer.

      Excluir
  3. Deixa que dentro da cadeia os manos da o dele...

    ResponderExcluir
  4. Um demônio👹 nojento. Sujo.

    ResponderExcluir
  5. O filho dele tem a mesma idade da menina e ela estudava em escola pública. Será q a ligação não está aí????

    ResponderExcluir
  6. Na realidade um verme desse tem que deixar para os presos dar um trato por que um vagabundo desse tem que ser fuzilado e não perder tempo de dar uma volta de viatura gastar gasolina para prender um verme desse

    ResponderExcluir
  7. Esse ai só jogando no microondas e deixando só o pó!!

    ResponderExcluir
  8. Solta esse demonio no meio de um montr de mulher com sangue no olho. Ai vao ver do q as mulheres sao capazes... Ele vai chegar no quinto dos infernos em segundos.Essa coisa de estrupador so acaba assim. Pq prisao nao da jeito. Crime sem perdao.

    ResponderExcluir