terça-feira, 13 de junho de 2023

Exército abre inscrições para concurso com salário de R$ 8.245

O Exército abriu nesta segunda-feira (12) as inscrições para o concurso de 197 vagas para o curso de formação de oficiais e capelães em diversas áreas do ensino superior.

Segundo tabela das Forças Armadas, os salários iniciais vão de R$ 7.490 (segundo-tenente) a R$ 8.245 (primeiro-tenente), além de benefícios e adicionais.

As inscrições vão até 2 de agosto e custam R$ 150. O processo seletivo terá cinco etapas e o resultado final será divulgado em março de 2024.


QUAIS SÃO AS VAGAS?

A maioria das vagas é no setor da saúde, com 162 postos de trabalho, mas também há seleção para magistério, administração, informática, teologia e outras áreas. Veja abaixo a distribuição:

Medicina: 152 (em diferentes especialidades)

Direito: 8

Enfermagem: 6

Farmácia: 5

Odontologia: 5

Ciências Contábeis: 3

Informática: 3

Capelães - padre católico romano: 2

Magistério - matemática: 2

Magistério - português: 2

Administração: 1

Capelães - pastor evangélico: 1

Estatística: 1

Magistério - biologia: 1

Magistério - espanhol: 1

Magistério - física: 1

Magistério - inglês: 1

Magistério - química: 1

Psicologia: 1


COMO FAZER A INSCRIÇÃO?

As inscrições vão até o dia 2 de agosto, às 15h, e devem ser feitas no site: https://esfcex.eb.mil.br/

É preciso ter conta no portal gov.br para realizar a inscrição. 

Após fazer o login, o candidato deve preencher um formulário com seus dados pessoais, endereço e escolher a carreira que disputará a vaga.

Em seguida, o candidato deve escolher o local onde deseja realizar a prova de conhecimentos, a inspeção de saúde e o exame de aptidão física.


A taxa de inscrição é de R$ 150 e deve ser paga até 2 de agosto.

O candidato pode solicitar isenção da taxa entre 12 de 15 de junho, mas precisa ser doador de medula óssea em entidade reconhecida pelo Ministério da Saúde ou pertencer a uma família inscrita no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal) que tenha renda familiar mensal que não supere metade do salário mínimo (R$ 660).


QUEM PODE CONCORRER?

O concurso tem restrições de idade e o candidato precisa ter formação de curso superior na área que escolher. Entre as regras estão:

Ser brasileiro nato.

Candidato do sexo masculino precisa ter no mínimo 1,60m de altura, e a candidata do sexo feminino ter 1,55m de altura.

A candidata não pode se apresentar grávida ou ter um filho nascido há menos de seis meses antes do concurso.

Ter no máximo 34 anos de idade, completados até 31 de dezembro de 2024, para as vagas de medicina.

Ter entre 30 e 40 anos de idade, completados até 31 de dezembro de 2024, para as vagas de capelães.

Ter no máximo 32 anos de idade, completados até 31 de dezembro de 2024, para disputar as outras áreas.


COMO SERÁ O PROCESSO SELETIVO?

O concurso terá cinco etapas. A primeira será a prova de conhecimentos gerais e específicos. Ela será realizada em 3 de setembro, das 9h às 13h, e terá 60 questões que variam conforme a área escolhida.

Medicina: 20 questões de assuntos básicos de medicina e 40 questões de conhecimentos específicos (para cada especialidade escolhida).

Odontologia: 20 questões de assuntos básicos de odontologia e 40 questões de conhecimentos específicos.

Farmácia: 20 questões de assuntos básicos de farmácia e legislação específica e 40 questões de conhecimentos específicos.

Capelães: 20 questões de português e 40 questões de teologia, seguindo o credo escolhido (católico ou evangélico).

Outras áreas: 8 questões de português, 6 de história do Brasil, 6 de geografia do Brasil e 40 questões de conhecimentos específicos (de acordo com a área escolhida).

Os candidatos que não tiverem 50% de aproveitamento em conhecimentos básicos ou específicos serão eliminados.

O gabarito será divulgado em 8 de setembro, às 10h, no site da ESFCex (Escola de Saúde e Formação Complementar do Exército). Os concorrentes poderão recorrer entre 8 e 12 de setembro, e a relação dos aprovados será anunciada até 11 de outubro.

Os locais para as provas serão no Distrito Federal e em 16 estados (Acre, Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima e São Paulo).

A segunda etapa será de verificação dos documentos solicitados. Em seguida, haverá exames médicos (entre 20 de novembro e 6 de dezembro), aptidão física (entre 11 e 22 de dezembro) e avaliação psicológica (em 14 de janeiro de 2024). O resultado final sairá até 1º de março de 2024, com a matrícula sendo feita em 18 de março.


COMO SERÁ O CURSO?

O curso de formação terá duração aproximadamente de 37 semanas e será realizado na ESFCex, em Salvador.

No caso dos capelães, haverá ainda um período de observação (que será feito em Resende-RJ ou em Três Corações-MG) e outro de adaptação (que será em Brasília ou em Salvador).

Todos os aprovados começarão o curso como primeiro-tenente aluno, exceto os capelães que serão aspirante a oficial aluno. Após as 37 semanas, os aprovados serão primeiro-tenente, enquanto os capelães viram segundo-tenente.

4 comentários:

  1. Para fazerem o que? Deixar aposentadorias milionárias para familiares,comerem picanha, tomar whisky do melhor,comprar viagra, tudo com o o meu o seu dinheiro,pq para brigar com o Paraguai,venezuela,Ururuguai,Bolívia é só mandar o tiro de guerra kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você cometeu um equívoco com relação às forças armadas venezuelanas. As forças armadas da Venezuela estão muito melhor equipadas que as brasileiras, lá, desde a época do ditador Hugo Chavez, houve uma modernização geral com a ajuda da China Comunista. Enquanto isso, no Brasil... viagra, chicletes e camisinhas de ...

      Excluir
  2. Essas forças armadas só servem para superfaturar compra de navios velhos para depois afundar, aviões que valem 5 milhões eles compram por 50, tanques velhos da segunda guerra para fazer media com outros paises e aí vai, e o povo brasileiro indo para desfile de sete de Setembro batendo palma e eles superfaturando notas de posto de combustivel,ja fui muito enganado tambem kkkkkk
    Zlm

    ResponderExcluir
  3. O exército brasileiro e uma piada, kkkkkkkk veja no tik tok uma viadagem da porra mano, kkkkkk sei nem pra que serve não faz o operação,não participa de guerras, Não serve pra nada

    ResponderExcluir