segunda-feira, 18 de dezembro de 2023

Prefeitura distribui amanhã tíquetes para famílias em situação de vulnerabilidade social que terão cestas natalinas

A fome é uma realidade para muitas famílias em situação de vulnerabilidade social. Para amenizar esse quadro adverso na vida de muitos itabunenses, a Prefeitura de Itabuna vai distribuir 10 mil tíquetes (vouchers) para cestas natalinas destinadas aos grupos familiares cadastrados no CadÚnico ou nos programas sociais do município ou do Governo Federal.

Terão prioridade famílias com a renda per capita de até R$ 218,00 e que tenha mais de uma pessoa cadastra por família em programas como: Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), Programa de Acompanhamento de Famílias (PAIF), Itabuna Mãe – Programa de Atendimento Gestantes da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (SEMPS),

A distribuição dos tíquetes acontece nesta terça-feira, dia 19, das 8 às 16 horas, nos Centro de Referência da Assistência Social (CRAS): Jardim Grapiúna, São Caetano, CRAS CEU, Urbis IV, e Nova Ferradas. Já as famílias assistidas pelo CRAS Itinerante receberão os tíquetes na quadra do Colégio CISO, no Bairro de Fátima.

As famílias que atendem aos critérios estabelecidos poderão se dirigir aos CRAS, com documento com foto e a folha resumo do Número de Identificação Social – NIS. Além disso, a pessoa cadastrada deve ficar atenta às cores dos tíquetes, pois cada cor vai determinar onde a pessoa poderá retirar sua cesta. 

Mas, atenção! O CRAS Itinerante atende somente aos bairros: Vila Zara, Conceição, Fátima, Califórnia, Nova Califórnia e aos condomínios Jardim América 1 e 2, Santa Inês, Parque Boa Vista, Parque Verde, Vila da Paz, Vila das Dores, Antique, João Soares, Alto Maron, Vila Vital, condomínio Vida Nova, São Judas Tadeu e Canecos.

O secretário municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza, Josué Brandão Júnior, ressaltou que é opção do prefeito Augusto Castro (PSD) avançar na segurança alimentar no município, através dos programas sociais.

Ele aproveitou para agradecer às instituições e ao prefeito pela sensibilidade e solidariedade com as famílias itabunenses em situação social de vulnerabilidade. “Seguindo firme a orientação do prefeito Augusto Castro, vamos prestar essa solidariedade para auxiliar as pessoas que mais precisam durante esse período em que se comemora o nascimento de Jesus”, disse.

A supervisora de Gestão do SUAS da SEMPS,  Suse Mayre Martins Moreira destacou o prefeito Augusto Castro que desde o início da sua administração sempre se preocupou com a segurança alimentar da população mais carente.

Ela lembrou que após a pandemia da Covid-19, sob a gestão da ex-secretária Andrea Castro, foi lançado o Programa Comida na Mesa para distribuir cestas básicas para as famílias com insegurança alimentar e vulnerabilidade social.

Cada cesta natalina contém 12 itens: feijão carioquinha, arroz branco, macarrão parafuso, farofa pronta, leite em pó, suco de frutas pronto, açúcar cristal, milho verde, goiabada, panetone, chocolate e um frango congelado.

As cestas natalinas serão entregues nesta sexta feira, dia 22, a partir das 8 horas em cinco pontos de distribuição: Centro de Cultura Adonias Filho, Vila Olímpica Professor Everaldo Cardoso, Escola Lourival Oliveira Soares, em Ferradas, Escola Frederico Smith Lima, na Urbis IV, e na quadra do Colégio CISO.


13 comentários:

  1. Esmolas dos "governos federal, estadual e municipal". Explora-se mediante impostos desumanos, distribui-se esmolas, promessas e circo, e mantém-se um povo escravizado. Os otários aplaudem...

    ResponderExcluir
  2. Eles distribuem esmolas para os miseráveis e ignorantes, enquanto desperdiçam milhões de dólares em passeios no exterior, festas e banquetes luxuosos. E os otários famintos estendem as mãos agradecendo aos seus algoses mais uma esmola e uma enxurrada de desprezo.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo ótimo Trabalho seu Prefeito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quanto está ganhando para se prostituir dessa forma ridícula?

      Excluir
  4. A gestão representando a favela.

    ResponderExcluir
  5. 𝙾 𝚙𝚘𝚟𝚘 𝚍𝚎 𝚒𝚝𝚊𝚋𝚞𝚗𝚊,𝚜𝚘 𝚚𝚞𝚎𝚛 𝚟𝚒𝚟𝚎𝚛 𝚍𝚘 𝚋𝚎𝚗𝚎𝚏𝚒𝚌𝚒𝚘 𝚍𝚊 𝚋𝚘𝚕𝚜𝚊 𝚏𝚊𝚖𝚒𝚕𝚒𝚊...𝚗𝚊𝚘 𝚚𝚞𝚎𝚛 𝚖𝚊𝚒𝚜 𝚝𝚛𝚊𝚋𝚊𝚕𝚑𝚊𝚛....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala e facil ne nao e todos nao viu muitos nao trabalhar porque não tem viu antes de falar bota a vírgula viu

      Excluir
  6. Se as pessoas nao ta tendo trabalho tem que ir pega mesmo vai passar fome mais do que ta passando e vcs falarem e facil pega vcs e dar uma cesta melhor nao gosto do mandato de Augusto Castro ele botou a cidade na merda as ruas tao pior que antes nos bairros estão horrível nao tem trabalho em canto nenhum dessa cidade e muitos ainda fala que as pessoas nao trabalhar porque tem bolsa família da pra que na mesma hora que pega num da nem pra uma semana quanto mais 1 meses para de falar o que vcs nao sabem nao tem nada pra falar fica quieto 😡😡😡😡

    ResponderExcluir
  7. Nada contra mas deveria primeiro priorizar pagar os serviços e os prestadores de saude que estao mais 1 ano sem receber os repasses de dezembro. Com certeza umas das piores gestões de Itabuna. Prefeito sem compromisso ainda quer tentar a reeleição. Simplesmente ridículo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade pior mesmo ele num vai ganhar de jeito nenhum esse dissimulado 😔

      Excluir
  8. Essas cestas básicas só servem para matar aos poucos as pessoas que se alimentam delas, pois são todos transgênicos e não alimentam nada. O pior é que o Brasil é tão rico em produtos naturais e ficamos zumbi a mercê do governo, pois o governo deixa o povo cego na ignorância.

    ResponderExcluir
  9. Cadê o áudio do prefeito mandando separa 45 sexta pra baba cearense

    ResponderExcluir