sexta-feira, 16 de fevereiro de 2024

PM prende no interior de São Paulo suspeito de matar e decapitar homem que saiu com a ex na Bahia

A Polícia Militar prendeu em Ibaté (SP), na manhã desta sexta-feira (16), um procurado da Justiça por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver

O homem de 58 anos é suspeito de matar e decapitar um homem que saiu com a ex-companheira. O homicídio aconteceu em 2022 na cidade de Ubaíra, a cerca de 270 km de Salvador (BA). A mulher foi presa suspeita de envolvimento.

O tenente Perroni do Comando de Força Patrulha disse ao g1 que o suspeito foi preso no Jardim Cruzado quando saía para o trabalho.

“Em um trabalho conjunto entre a PM de São Carlos e da Bahia, com o apoio da Polícia Federal, foi descoberto que ele estava se escondendo em Ibaté e, com base nessas informações, iniciamos patrulhamento e o abordamos”, explicou o tenente.

A ocorrência foi apresentada no Plantão Policial. De acordo como tenente, o suspeito ficará preso em São Carlos e depois será transferido para a Bahia.

O crime em Ubaíra aconteceu em agosto de 2022. Na época, a mulher de 43 anos foi presa em flagrante suspeita de envolvimento na morte do ex-companheiro. De acordo com a polícia, Railton da Silva, de 55 anos, estava desaparecido há cinco dias. O corpo dele foi localizado em um matagal na zona rural, em estado avançado de decomposição, e estava decapitado.

O desaparecimento foi registrado três dias depois quando a Polícia Civil começou a investigar o homicídio. Os policiais identificaram os suspeitos e localizaram a residência do casal. Ao perceber a presença da polícia, o homem fugiu por um matagal. Já a mulher, foi conduzida para a delegacia, onde confessou a participação no crime e contou detalhes da ação.

De acordo com a polícia, a suspeita disse que teve um rápido relacionamento com a vítima e, quando o atual companheiro tomou conhecimento, planejou o homicídio.

A mulher teria marcado um encontro com Railton e o atraiu para a emboscada. No local combinado estava o suspeito que esfaqueou a vítima e arrancou a cabeça, que foi encontrada a cerca de 50 metros do corpo. A mulher foi indiciada por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver.

7 comentários:

  1. Corajosa a atitude desse senhor ... Infelizmente o rapaz nao deveria saber disso ... Lamentavél isso é o tipo de coisa que só acontece por amor tragedia de amor

    ResponderExcluir
  2. Antes era somente corno !! Agora, é corno, assassino, presidiário, famoso.... Vagabundo.

    ResponderExcluir
  3. agora passar 20 anos na cadeia a a ex mulher dando o rabo a outro .Otário!

    ResponderExcluir
  4. Se o Brasil fosse um Nação democrática, com leis e justiça sérias, esses assassinos seriam condenados à pena de morte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cala boca lambe lambe vida de quem come nega do outos seja ex ou não é dificil mesmo vacilou cai na bala corta a cabeça se fodi nêgo

      Excluir