quinta-feira, 7 de novembro de 2019

Morre Ana Amelia de Oliveira, professora da Uesc

A direção da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), comunica o falecimento da professora Ana Amélia de Oliveira L. Wanderley, na tarde desta quinta feira (7). 

Ana Amélia era do departamento de ciências agrárias e ambientais da Uesc desde 1999. Professora querida e sempre solicita na arte de ensinar e um ser humano especial, foi uma perda lamentável para o corpo docente e discente da universidade, em especial da geografia. 

9 comentários:

  1. grande professora , foi uma guerreira! tive o prazer de ter sido aluno dela, que o senhor JESUS CONSOLE TODA SUA FAMÍLIA.

    ResponderExcluir
  2. VAI DEIXAR SAUDADES PROFESSORA, VOCÊ É MASSA DEMAIS!!!

    ResponderExcluir
  3. Professora muito humana. Linda e ótima profissional. Vá em paz, minha querida.

    ResponderExcluir
  4. Meus sentimentos a toda a família. Uma pessoal fantástica, excepcional....
    A perda de um mestre é sempre pior de todas as perdas... É a perda de um conhecimento que levou consigo... embora tenha deixado tantas sementes.

    Obrigado professora pela honra e privilégio de poder ouvir seus ensinamentos, partilhar o saber.

    Aproveito a oportunidade para agradecer a todos os mestres enquanto há tempo e vida.

    A geografia, a oceanografia, nossos corações estão de luto.

    Que Deus a tenha em um bom lugar.

    ResponderExcluir
  5. A Geografia da UESC está de luto! Vá em paz, minha colega e amiga!

    ResponderExcluir
  6. Você ajusou muito nossa turma 2012/2015! pesames de seu aluno querido Luis de uabitaba

    ResponderExcluir
  7. Muito triste a perda de uma pessoa que contribuiu para o conhecimento e semeou bondade.
    Pena que quem não presta, nem morre e pior não quebra nem uma unha.
    Professora, vai fazer muita falta.

    ResponderExcluir
  8. Vai embora uma guerreira, tive a honra de ter sido sua aluna, professora exigente e dedicada a rainha da oceanografia. Vai com Deus pró!

    ResponderExcluir
  9. Eu estou triste demais com essa notícia, fui aluno dela em Oceanografia e não acredito que isso é verdade.
    Não se perde apenas uma professora, mas uma mulher de uma humanidade ímpar.

    Eu ainda não estou acreditando e vai ser difícil estar na uesc e saber que não irei encontrá-la pelos corredores da faculdade, ou em sala de aula.

    ResponderExcluir