quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

Revista em penitenciária encontra itens proibidos

Uma operação conjunta entre a Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Cacaueira e a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) encontrou facas artesanais, celulares e outros itens durante revista no Conjunto Penal de Valença, na última segunda-feira (2).

A vistoria foi realizada nas celas do Pavilhão B com objetivo de controlar a rotina na carceragem. De acordo com o comandante da unidade especializada da PM, major Ricardo Silva, foram encontrados 18 chunchos (pedaços de ferro pontiagudos usados como arma branca), duas facas artesanais, 11 aparelhos celulares, três cabos USB, duas baterias, 135 gramas de maconha e 60 gramas de cocaína.


“Todo material retirado das celas foi entregue à direção da unidade, que realizará os procedimentos legais cabíveis”, revelou o major.

4 comentários:

  1. Nunca se explica como esses objetos ilícitos entram e as punições para os detentos que são flagrados na posse deles. Nos presídios de Ilheus e Itabuna com certeza tem traficante utilizando a cela como escritório do crime. Vergonha para as autoridades.

    ResponderExcluir
  2. Proibidos? Kkk se não fosse proibido não teriam encontrado, estava a vista

    ResponderExcluir
  3. Entram por dentro dos vasos de sucos É dentro das caixas de frutas e o diretor sabe

    ResponderExcluir
  4. os cara tem dinheiro pra botar droga nessas cadeiazinhas pagou entrou .

    ResponderExcluir