quinta-feira, 29 de fevereiro de 2024

Sobe para sete o número de mortes por dengue na Bahia, diz Secretaria de Saúde

Subiu para sete o número de mortes por dengue na Bahia, segundo informações da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), nesta quinta-feira (29). A sexta e a sétima vítimas da doença são moradores de Feira de Santana e Vitória da Conquista. A Sesab não divulgou mais detalhes das pessoas.

Nesta semana, a Sesab informou que o aumento de casos suspeitos da doença no estado foi puxado principalmente pelos dois municípios, ambos em situação epidêmica.

Até quarta-feira, todas as mortes pela doença tinham sido registradas na região sudoeste do estado, sendo duas em Jacaraci, outra em Piripá e a quarta em Ibiassucê. As cidades ficam cerca de 1h30 de distância umas das outras.

Já na quarta, a Sesab confirmou a quinta morte, em Irecê, no norte do estado. Uma das vítimas confirmada é uma criança de 5 anos, que morreu em Jacaraci no dia 8 de fevereiro. No ano de 2023, 22 pessoas morreram por causa da dengue. Houve um caso ligado a zika e três por causa da chikungynia, conforme informado pela Sesab.

Neste ano, foram notificados 16.771 casos prováveis de dengue no estado e 64 municípios se encontram em epidemia. São eles:

Adustina

América Dourada

Anagé

Araci

Barra do Choça

Barra do Mendes

Barro Alto

Belo Campo

Bom Jesus da Lapa

Bonito

Brejões

Brumado

Caetité

Cafarnaum

Campo Formoso

Canarana

Carinhanha

Conceição do Almeida

Condeúba

Coribe

Encruzilhada

Feira de Santana

Formosa do Rio Preto

Ibiassucê

Ibicaraí

Ibicoara

Ibipitanga

Ibitiara

Igaporã

Iramaia

Iraquara

Irecê

Itambé

Itapetinga

Jacaraci

Lajedão

Licínio de Almeida

Macaúbas

Maetinga

Manoel Vitorino

Maracás

Matina

Miguel Calmon

Morro do Chapéu

Mortugaba

Mucugê

Mulungu do Morro

Novo Horizonte

Palmas de Monte Alto

Piatã

Pindaí

Piripá

Piritiba

Planalto

Quixabeira

Rodelas

Santa Maria da Vitória

Santa Rita de Cássia

Serrinha

Serrolândia

Tanque Novo

Tapiramutá

Uruçuca

Vitória da Conquista

3 comentários:

  1. Enquanto os jumentos morrem dengosos, o Ladrão passeia e a canja/granja esbanja!

    ResponderExcluir
  2. LOGO A EPIDEMIA CHEGARA A ITABUNA
    E ENTAO VEREMOS OS NUMEROS MAQUIADOS DE LUCIMAR.

    ResponderExcluir
  3. A farsa covidiana acabou, como o objetivo é envenenar, quero dizer, vacinar o máximo de incautos possível, criou-se outra narrativa para amendrotar... Enfim, a mídia fazendo o que sempre fez, mentir e manipular.

    ResponderExcluir